[Coluna] Momento Hot, por Renata Maiochi

12308630_1149946795034505_8024079813043574534_n

Título: Todo Seu.

Autora: Sylvia Day

Editora Pararela

Páginas: 320

Sinopse: Gideon Cross. A coisa mais fácil que já fiz foi me apaixonar por ele. Aconteceu instantaneamente, de forma completa e irrevogável. Casar com ele foi um sonho realizado.  Continuar casada com ele é a maior batalha da minha vida. O amor transforma, e o nosso é um refúgio e também a pior tempestade. Duas almas danificadas que se entrelaçam. Nossos votos foram apenas o começo. Lutar por esse casamento pode nos libertar… ou nos separar de vez.

Resenha: Depois de uma longa semana separados, Gideon decide dar o primeiro passo para provar a Eva que o que sente por ela é muito mais que amor, o que ele sente é … “Crossfire”  assim é a maneira que Gideon demonstra seu amor por ela, desde o começo, um “ eu te amo” é pouco perto de tamanho sentimento, e agora, ele quer mostrar à Eva  do que é capaz por esse amor.

Após um pesadelo tão triste quanto os outros que o acompanham desde sempre Gideon decide ligar para Eva e contar. Isso significa muito para ela pois, sempre quis saber o conteúdo dos sonhos que abalavam tanto Gideon. E se isso foi importante para ela, imagine para ele, que sente vergonha de tudo o que aconteceu em seu passado, como se ele fosse o verdadeiro culpado.

Agora, os medos e traumas começam a serem exorcizados.

Na medida em que Gideon vai contando seus pesadelos e Eva vai descobrindo a intensidade do sofrimento do marido, ela amadurece, e muito, e  isso a faz uma mulher forte, determinada, sem crises, e por esse amor  vai encarar de frente todos os problemas que poderão aparecer.

Com um casamento para organizar, Eva decide deixar eu emprego, e isso vai surpreender Gideon, mas os planos de Eva vão muito mais do que ser uma esposa modelo, ela não quer mais ser Eva Tramell, nem quer que Gideon seja Gideon Cross, Eva quer que sejam Gideon e Eva Cross, quer que todos os vejam como um casal, que não são nada se não juntos. E enquanto todos pensavam que Gideon era o mocinho mau, Eva prova que pode ser muito, mas muito mais corajosa do que todos pensam.

Com a ajuda do terapeuta, o casal está mais forte que nunca, o foco de Eva está voltado para Gideon, ela quer que ele tenha uma vida normal, longe de traumas e está determinada a conseguir.

Mas a vida desse casal nunca  é  fácil, e mesmo que estejam mais fortes que nunca e decididos que jamais irão se separar novamente, os inimigos estão de olhos bem abertos e o pior pode estar muito perto de acontecer.

Minha opinião: Confesso que nunca li um livro tão devagar, propositalmente, mas li sim, com tanto zelo, tanta calma, que em meus delírios, acreditava que sendo assim a série seria maior.

Aposto que já ouviram muitas vezes a expressão “ luto literário”, sinto isso quase sempre, mas quando você chega no último livro de uma série que você simplesmente ama, o luto é um pouquinho maior.

Acho que Sylvia Day conseguiu amarrar todas as pontas mais importantes do livro. Depois de ter terminado foi que entendi a proteção excessiva  de Monica, mãe de Eva, e acho que o desfecho escolhido para ela, foi importante para Eva, então foi válido.

Para Cary, o melhor amigo de Eva, a vida segue na melhor maneira possível,  e finalmente caminhando para a felicidade que buscou desde sempre, adorei o “pé” que a chatíssima modelo Tatiana levou. Sylvia você tem meu respeito!!!

A vantagem de ser o último livro da série, é que os segredos e todas as tramas têm que serem postas às claras, e isso achei ótimo, pois Anne Luccas é uma louca de marca maior, e Eva conseguiu coloca-la em seu lugar bonitinho.

Mas o ponto alto do livro para mim, sem dúvida foi o desfecho com a mãe de Gideon, finalmente ele conseguiu por para fora tudo o que havia segurado todos aqueles anos, e saber que sua mãe, a única que ele queria que acreditasse nele, era a única que jurava o contrário, em nome de status social, é o fim!

O que dizer sobre Eva… Pense em uma mulher forte… Pois é, assim Eva se transformou, capaz de driblar todas as suas neuras, e cuidar de todos que estavam a sua volta como se fosse mãe de todos, achei sensacional. Ciumenta ainda??? Sim ou com certeza?? Sim muito, mas a maturidade fez com que Eva visse além do que os outros queriam, e a apesar de muitos tentarem acabar com esse amor, Eva finalmente consegue enxergar o que realmente existe dentro do coração de Gideon, e isso faz com que esse amor cresça e se transforme em algo perto do inabalável.

Mas Gideon… já disse que sou apaixonada por ele??? Rsrsrsr  pois é, hoje sou mais!!! 😉 Não há nenhum personagem  que supere, mesmo dentro de todos os seus traumas, ele consegue ser o cara!

Quando Gideon percebe que pode perder Eva por ser tão fechado em relação a tudo que passou, ele decide que é chegada a hora de se libertar de tudo que o prende ao passado tenebroso que viveu, e isso o faz muito bem, ele que sempre foi reservado, consegue se socializar mais, embora ainda tenha muito medo da palavra família, se permite  aproximar mais de Ireland, Chris ( o padrasto), e a até mesmo dar uma chance à Christopher ( seu irmão). Gideon se sente um novo homem e gosta disso. E o que dizer de Lucky ?? Esse roubou a cena, um presente muito bem pensado de Eva  que ganhou o coração de Gideon e meu também!

O livro como sempre, recheado de cenas quentíssimas,  mas dessa vez demora um pouquinho mais pra serem colocadas em práticas, pois Eva queria  muito namorar, passar pela fase da pureza de todo relacionamento, e achei Gideon um fofo realizando mais essa vontade de Eva.

Não encontrei erros de português, as páginas amarelas, e é escrito em primeira pessoa, às vezes por Eva, às vezes por Gideon.  E embora, eu tenha tentado ler bem devagarzinho, o livro é fluído, como todos os outros, e a capa como sempre de muito bom gosto.

Amei, de Toda Sua até Todo Seu!!

“-  Você me ama. – ele disparou de volta, virando-se para fitar o salão, enquanto os garçons começavam a trazer a salada.

– Ah, é?

Ele se concentrou em mim novamente.

-É. Loucamente.

Não adiantava discutir, ele tinha razão.”

2 comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *