[Resenha] Mais do que instantes, de Débora Macedo Afonso – Chiado Editora

masidoqueinstantesTítulo: Mais do que instantes – Livro 2
Autor: Débora Macedo Afonso
ISBN: 978-989-51-6969-6
Gênero: Romance
Páginas: 149
Editora: Chiado
Cortesia do autor

Compre aqui

Sinopse:

Todos estão cá. Todos vieram, todos querem ver, todos querem testemunhar, todos querem festejar aquele que é o nosso amor. Aquele que o tempo conquistou silenciosamente, aquele que aprendeu a dar valor sem perder, aquele que perdoa, aquele que duplica a alegria e divide a tristeza, aquele que faz questão de ser único, de ser amor, de ser o nosso amor.

Hoje aqui, em frente ao espelho, vejo o reflexo do sonho de uma menina, vejo aquilo que desde os meus dez anos imaginei como seria. É branco, arrasta pelo chão, tem uma cauda relativamente grande e um decote coberto de renda, simplesmente lindo, um autêntico vestido da realeza.

Resenha:

Mais do que instantes é o segundo livro que conta a história de Guilherme e Vitória. Para conhecer o início de tudo leia a resenha Fomos instantes.

Em Mais que instantes a relação conturbada entre Vitória e Guilherme parece se complicar ainda mais. Guilherme ainda continua em meio a sua insegurança e incapacidade de declarar seu amor por Vitória.

Depois que Vitória se inscreve como casting para uma peça de teatro e precisa se ausentar por alguns meses junto da companhia de teatro, Guilherme  não aprova e decide dar um tempo na relação dos dois. Sofrendo com a ausência de Guilherme, Vitória parte para uma nova jornada em sua vida onde encontra Diego, um amigo muito querido que faz parte do elenco do teatro.

Mais do que instantes além de uma história cativante é uma prova de que sempre existe uma segunda chance para um recomeço e encontro com a felicidade plena. Que é possível encontrar a reciprocidade no amor.

A escrita da autora continua ágil e simples, e confesso que me surpreendi com o rumo que a história tomou. Débora acrescentou várias reviravoltas na narrativa. Achei que certos acontecimentos aconteceram rápidos demais, mas como o livro é curtinho acredito que tenha sido esse o motivo e mesmo assim a leitura fluiu prazerosamente.

Uma história leve e cativante. Que fala do amor verdadeiro, da amizade e mostra sutilmente que o amor não pode ser uma via de mão única. É necessário ter reciprocidade de ambas as partes para se manter vivo.

Um romance doce e sensível.

Recomendo.

A capa está muito bonita. Edição perfeita. Páginas amarelas ótimas para leitura.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *